domingo, julho 10, 2011

Coisas mais lindas que vêm ter comigo


Existem coisas que eu não acho muita piada. Não quero e tenho que levar com elas. Uma dessas coisas é Psoríase. Agradecemos ao meu querido pai! Para quem não sabe é uma doença que pode ser ou não hereditária, que não têm cura. Mas têm fases. Quando eu ando mais nervosa, reflecte-se logo. Mas que pode ser controlada. O tratamento em si é caro. Praticamente todos os produtos não são comparticipados pelo Estado (que é a coisa que acho mais piada!). É um tratamento que dói principalmente se tiverem no couro cabeludo e se tiver em sangue arde, imenso! Nada que não se suporte, sou sincera. Os champoos são horríveis, alguns deixam o cabelo oleoso, outros a cheirar mal. No entanto, conseguimos usar de vez enquanto uns que não têm cheiro e que são extremamente agradáveis. Depois temos a parte melhor a comichão, quando andamos piores. E não, não são piolhos que eu uma vez entrei em pânico e pensava que era, e afinal, não era.

A parte boa disto tudo, é que quem tem a doença têm que fazer muita praia (ohhhh ohhhh ohhhh) e a água do Algarve é a melhor (ohhhhh a dobrarrr).  Quando tive lá o Verão passado foi fantástico, as minhas preocupações foram-se todas, era como se não tivesse nada.

Não é nada que com o qual não consiga viver.

17 comentários:

  1. Também conheço uma rapariga que sofre do mesmo problema que tu.

    ResponderEliminar
  2. essa doença é aquela em que há uns peixinhos que fazem bué bem à vossa pele não é?

    ResponderEliminar
  3. Que surpresa mais dispensável. Acho que tens de mostrar um atestado no trabalho e passar um mês no Algarve :P

    ResponderEliminar
  4. Então aproveita o Verão para ver se controlas essa malvada ;)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  5. umas das minhas melhores amigas tambem tem. E realmente e um bocado chato, sao mts cremes, shampoos. Com o tempo pode ser que te habitues e vai ficar mas facil :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  6. umas das minhas melhores amigas tambem tem. E realmente e um bocado chato, sao mts cremes, shampoos. Com o tempo pode ser que te habitues e vai ficar mas facil :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Conheço perfeitamente! O meu pai tem o mesmo, até ver ainda não tive nada...

    ResponderEliminar
  8. Então devias pedir ao médico para te receitar uns 3 meses de férias ;)

    ResponderEliminar
  9. Bem, pelo menos vês as coisas positivas... e praia no Algarve é óptimo!

    ResponderEliminar
  10. Tenho uma grande amiga minha que também padece do mesmo mal... a parte da praia não me parece nada mal ;)

    ResponderEliminar
  11. A tua atitude perante esse problema é de louvar.
    Que tenhas excelentes dias de praia.

    ResponderEliminar
  12. O meu cunhado tem e eu sei do que falas Sissy e' muito chato, e sem duvida que o stress nao ajuda nada, por isso aproveita bem o verao e nada de stress e muita praia na tua vida:-)
    beijinhos boa semana

    ResponderEliminar
  13. Confesso que não fazia ideia que existia essa doença, deve ser mesmo chato. :/ Mas depois tens essa vantagem do Verão e da praia.. Que sorte! :P Ahaha.

    Espero que melhores linda! :) Ou pelo menos alivies essa malvada.

    Beijinho grande *

    ResponderEliminar
  14. arranja maneira de estares sempre na praia :)

    ResponderEliminar
  15. Já vi uma reportagem sobre o assunto e estava informada sobre os custos e a dor que causa. Vai para o Algarve outra vez melher.

    ResponderEliminar
  16. É daquelas doenças chatinhas... mas de cura já conhecida, o que é bom e simplifica a vida. :)

    ResponderEliminar
  17. Eu também tenho :) e sabes... gostei muito de ler o que escreveste sobre a doença porque chega a ser tabu. Pensam que é tipo lepra ou o raio. Vá-se lá perceber porquê.

    Eu tenho, mais proeminentemente nos cotovelos. E agora nesta última fase do curso, estava a ver que iria começar a formar placas nas mãos!!!
    Eu só rezava e respirava fundo para que nas mãos, é que não! É com que trabalho e além de não querer perder sensibilidade, não queria pelo aspecto que dá uma Enfermeira vir para ao pé de ti com placas de psoriase nas mãos. Por mais que a pessoa seja até simpatica, sente-se contrangida. Enfim. Mas nada demais porque voltaram ao normal :) falso alarme!


    Beijinhos*

    ResponderEliminar

escreve... vá lá... não custa nada... ;)