terça-feira, setembro 28, 2010

Como se fosse ontem...

  
Uma das minha melhores amigas entrou ontem para a faculdade. A contar-me hoje como foi o seu primeiro dia, passaram-me mil e uma emoções por tudo quanto é sítio. Lembrei-me da minha primeira semana de praxes, do meu primeiro ano da faculdade. Em milésimos de segundo, lembrei-me simplesmente de tudo. A sensação de novo. As mil e umas experiências que ia ter. A certeza, que eu tinha de que tudo iria correr bem. O sorriso. Os veteranos, fantásticos, diga-se. Os meus colegas caloiros. Tudo. Lembrei-me de toda a minha semana de praxes. Foi um ano fantástico, sem dúvida. Tudo de novo, mil e uma experiências que adquiri. A alegria com que coloquei aqui o corpito no primeiro dia em que passei o portão da faculdade. O orgulho com que eu dizia para todas as pessoas "sim, estou na faculdade". A cara de orgulho com que o meu pai me levava para a faculdade. Tudo o que li. Tudo o que me ensinaram e mais ainda tudo aquilo que consegui pôr em prática. A sensação de liberdade.

Lembro-me que no primeiro de praxes, em conversa com uma amiga minha no MSN me diz isto "Sissy, aproveita. Não há nada como a primeira semana de praxes. Não há nada como o teu primeiro ano na faculdade." E não é que ela tinha razão? Parece que vivia no paraíso e o céu era o limite. Depois de um ano péssimo, parece que naquele ano tudo se desenvolveu na prefeição. Cada dia era melhor que o outro. 

Sem dúvida que dos 3 anos e meio, foi o melhor ano que eu tive na faculdade. Foi fantástico. Digo eu, que a experiência como Veterena não foi tão como a de Caloira. Também porque os sapatos não ajudavam. Nem os pés conseguiam pousar no chão. Lembro-me de ir para o metro quase descalça. Com muita pena digo eu, não aproveitei. Se fosse hoje, faria diferente.

Por isso é que hoje digo a todos os caloiros... aproveitem ao máximo! E limitem-se apenas ser felizes!

5 comentários:

  1. As coisas boas ficam para sempre... como se fosse ontem.

    ResponderEliminar
  2. COmo tudo na vida devemos aproveitar cada momento como fossem os ultimos e para mais tarde recordarmos exactamente como tu fizeste ..
    bjinhos

    ResponderEliminar
  3. Sei que a praxe é das coisas mais maravilhosas que pode haver, pois também ando na faculdade e vejo isso de perto. mas tomei a opção de não ser praxada nem praxar, apenas porque não me interessou simplesmente. Mas sei que é altamente ;)

    ResponderEliminar
  4. De todos os anos que estudei na universidade, que foram 5, o que gostei menos foi o primeiro. Mas de resto adorei, tenho tantas saudades!

    ResponderEliminar

escreve... vá lá... não custa nada... ;)