segunda-feira, julho 12, 2010

Coisas Fantásticas (#29)


Terror de te amar num sítio tão frágil como o mundo

Mal de te amar neste lugar de imperfeição
Onde tudo nos quebra e emudece
Onde tudo nos mente e nos separa

Sophia de Mello Breyner Andresen

Se fosse possível, devoraria livros, como se devorasse chocolate. É pior que vício. Não é defeito é mesmo feitio.

São breves horas onde voo por casas fantásticas, por sonhos e ambições. Por mulheres fortes e destemidas. Por vitórias do passado. Por histórias de grandes homens. Simplesmente, passo por esses sítios todos, e são pequenos momentos, que no final do dia, sabem bem, simplesmente, ler.

1 comentário:

  1. Eu também adoro livros, mas falta-me mais tempo. A sophia é fantástcia pela forma como diz as coisas. Torna tudo tão simples, mesmo sendo uma realidade complicada

    ResponderEliminar

escreve... vá lá... não custa nada... ;)