domingo, junho 20, 2010

Coisas que me Irritam... (#36)


A incoerência das pessoas e a falta de legitimidade das mesmas para falar.

Era por que o Homem falava mal de alguns partidos, era porque falava mal da Igreja, era porque se recusava a ser Português, era por tudo isso.

E agora, todos aqueles que falavam mal, só basta pôr o senhor num pedestal. Faz sentido? Faz? Não.

Como eu disse, não sou apreciadora dos livros dele, mas admiro-o enquanto génio literário, sempre o admirei. Eu própria falei mal dele, quando do meu exame nacional, porque estava a ver a minha vida a andar para trás, porque tinha estudado muito pouco a matéria dele.

A diferença é que eu o digo em voz alta, os outros não.

Se ele era um grande Senhor, era. Se vai fazer falta, claro que sim. Se tenho pena de nunca o ter conhecido, obvio que sim! Se um dia quero ler os seus livros, sim. Se falo a mesma coisa que falava dele hoje, do que falava à um ano trás. Sim, porque aquilo que eu digo, não muda, só porque algo aconteceu.