sábado, janeiro 09, 2010

Existem dias, onde o pessoal têm um azar do caraças...


e depois existem estes, onde temos uma sorte que não se sabe bem de onde veio.

Hoje lembrei-me, de ir com a filha de uma amiga minha, ao Oceanário.
Liguei de amanha. "Ah, mas eu queria ir com ela, ao circo, com aqueles bilhetes que tu nos ofereces-te..." Pois, porque Sissy não vai ao circo... medo de palhaços...

"Mas nos podemos ir às 15 horas, e assim já conseguimos ir ao circo..."

Mesmo à Sissy, chego 30 minutos atrasada. E só conseguimos sair do Oceanário por volta das 17 horas. Entretanto, ela também estava atrasada, e perdida! Lá andamos nos com a pequenina, à procura da mãe.

Chega ao pé de mim por volta das 17h30, depois engana-se e vai quase para Sacavém (porque existe lá, outro circo...).

Liga-me a perguntar se eu sei. E respondo que não. Desligo.

Entretanto, meu amor, estava ao lado e diz-me "ah deve ser aquele ao pé da Galp...". Penso eu "agora não vou ligar".

Passados 5 minutos "olha afinal já não vamos circo porque um bancada caiu com crianças e parece que os tigres andam à solta...".

Cheguei a casa confirmei.

Moral da História:

Isto ás vezes lembramos-nos de coisas, que nem nos lembramos, e fazemos naquele dia e nem sabemos bem por que.

Mas porque é que o pessoal, inventa?!?!?!?

Para além disso, se elas tivessem ido, e tivesse acontecido alguma coisa, fica com um sentimento de culpa... bem... 

2 comentários:

  1. Ainda bem que não foste ao circo. A cobertura do Circo Chen acaba de cair.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  2. beeem... realmente há cada coisa...

    ResponderEliminar

escreve... vá lá... não custa nada... ;)