sábado, outubro 16, 2004

Amo-te porque... não sei!

Amo-te como nunca amei ninguém... amo-te como se fosses o meu Sol, a minha paixão, o meu desejo, a única coisa que um dia eu quis...
Simplesmente, amo-te... será tão difícil perceber porquê? Preciso de ti como preciso do ar para respirar, amo-te porque preciso de ti, amo-te porque te amo, porque amar, é amar sem explicação, amar só por amar... amar... just love... amar porque se ama... amar porque se vive... amar porque um dia me desiludi com alguém e agora quero voltar a viver!

2 comentários:

  1. Tavas inspirada! Eu bem te peço em namoro mas tu és aquela base :p Claro que se pode amar 2 vezes. :)

    ResponderEliminar

escreve... vá lá... não custa nada... ;)